Operários do Timão x Neymar: último ato por vaga na final da Libertadores

20/06/2012

Corinthians recebe o Santos no Pacaembu com a

vantagem de poder empatar para se garantir na

decisão da competição continental

Por GLOBOESPORTE.COM São Paulo e Santos

 Chicão, Neymar, Corinthians, Santos (Foto: Editoria de arte / Globoesporte.com)Duelo entre Chicão e Neymar agita clássico desta
quarta (Foto: Editoria de arte / Globoesporte.com)

Um gênio contra 11 guerreiros. Corinthians e Santos confrontarão, nesta quarta-feira, às 21h50m, no Pacaembu, suas diferentes qualidades em nome da vaga na final da Taça Libertadores. De um lado, a equipe de operários do Timão, invicta e dona da melhor defesa do torneio. Do outro, toda a esperança recai em Neymar voltar a ser Neymar para fazer a diferença mais uma vez.

A vitória por 1 a 0 na Vila Belmiro deixou o Corinthians em boa situação para obter a inédita classificação à decisão. O clube avançará com um empate. A missão do Santos é mais complicada. O Peixe precisa triunfar marcando, no mínimo, dois gols como visitante para ter o regulamento a seu lado. Caso vença pelo mesmo placar do primeiro duelo, a decisão será nos pênaltis.

A seu favor, o Corinthians conta com números impressionantes de sua defesa. Foram apenas dois gols sofridos em 11 partidas (ambos na primeira fase), o que o coloca com a melhor média da história do torneio (0,18 por duelo). Mais que isso, o Timão não sofreu nenhum jogando no Pacaembu. Se mantiver o desempenho, estará na final contra Universidad de Chile ou Boca Juniors.

A confiança do Santos é exatamente em acabar com a muralha construída por Tite. Depois da apagada exibição no primeiro jogo, Neymar precisa se redimir. Apesar da derrota na Vila, o retrospecto do atacante no ano é mais do que positivo. Neymar fez nada menos que 27 gols em 27 partidas em 2012, e conta com o auxílio de Paulo Henrique Ganso para impedir que o sonho do quarto título sul-americano seja adiado.

Leandro Pedro Vuaden (Fifa-RS) apita a partida. Os auxiliares são Altemir Hausmann (Fifa-RS) e Alessandro Rocha de Matos (Fifa-BA). A Rede Globo transmite a partida para todo o Brasil, exceto para a cidade de Curitiba-PR. Você acompanha também no GLOBOESPORTE.COM, a partir das 20h, um programa especial com flashes ao vivo direto do Pacaembu mostrando todo o ambiente do jogo e a chegada das duas delegações ao estádio, antes da transmissão em Tempo Real da semifinal.
header as escalações 2

Corinthians: o técnico Tite fez apenas uma modificação na equipe que venceu o primeiro jogo, na Vila Belmiro. Emerson, suspenso pela expulsão, dá lugar a Willian no ataque. O zagueiro Chicão e o lateral-esquerdo Fábio Santos estão recuperados de problemas no tornozelo direito e na coxa esquerda, respectivamente. A formação é a seguinte: Cássio, Alessandro, Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Danilo e Alex; Willian e Jorge Henrique.

Santos: Muricy Ramalho já tem o time definido na cabeça, mas faz mistério. Os treinamentos indicam uma provável mudança: Borges no lugar de Elano. Em atividade fechada do último domingo, Muricy usou o centroavante no lugar do meia, em um treino tático. Na última segunda-feira, novamente o atleta figurou entre os titulares, mas em um treinamento de dois toques em campo reduzido – na ocasião, Ganso foi poupado. Na última atividade antes da decisão, Elano sequer treinou faltas, dando outra pista de que não deve entrar em campo. Na segunda etapa do jogo de ida na Vila Belmiro, o treinador gostou da movimentação da equipe com Borges. Assim, o provável Santos diante do Timão terá: Rafael, Henrique, Edu Dracena, Durval e Juan; Adriano, Arouca e Ganso; Alan Kardec, Neymar e Borges.

Fonte: www.globoesporte.com

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.