Vencer em casa deve ser obrigação

27/08/2012

 

Primeiro foi o Fortaleza (CE), que na terceira rodada veio para Belém com apenas um ponto e arrancou uma vitória. Depois foi contra o Treze (PB), fora de casa. A equipe paraibana estava na última colocação com apenas um ponto e venceu o Paysandu pela contagem mínima. E agora um empate contra o Icasa (CE) no Mangueirão. Quando o Papão enfrenta equipes que não estão bem na competição do Campeonato Brasileiro da Série C encontra uma grande dificuldade, desperdiçando pontos importantes, principalmente dentro de casa.

Com a virada do turno, restaram para o bicolor paraense apenas quatro partidas em casa, de nove que serão disputadas. Assim, para o técnico Givanildo Oliveira, vencer todos os jogos em Belém virou obrigação para chegar a uma classificação à próxima fase da competição.

“Não pode, é o caso desses pontos que perdemos nesse jogo (contra o Icasa). Jogando em casa, você tem que ganhar. Eu joguei essa competição uma vez e felizmente nós fomos campeões pelo América (MG). Nós não perdemos nenhum jogo em casa e fomos buscar pontos fora. Por exemplo hoje (sábado), se você faz o dever de casa vai a 15 pontos e vamos lá contra um Luverdense (MT) para ver o que vai dar. Agora foi erro nosso, não pode”, frisa o treinador esperando uma atitude melhor de seus jogadores na próxima partida.

No próximo domingo, o Paysandu joga em Lucas do Rio Verde (MT) contra o Luverdense, líder da competição. Segundo o meio-campista Harison, o time alviazul não precisa ter uma mudança radical no comportamento, já que vem realizando boas partidas. A mudança deve acontecer no aproveitamento das finalizações.

“Sinceramente, postura diferente eu não acho, até porque a gente mandou no jogo hoje (sábado). Precisamos fazer gols, eu acho que é só isso que está faltando. Um pouquinho mais de concentração e confiança na hora de fazer o gol”, diz o atleta.

(BOLA)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.