Um Ganso dos ovos de ouro no Paysandu

26/11/2012

 

De grão em grão a galinha enche o papo, já dizia o velho dito popular. Dessa maneira, o Paysandu pretende levantar dinheiro para saldar suas dívidas na despedida da administração Luiz Omar Pinheiro. Os quase dois meses de salários atrasados, somados à premiação pela conquista do acesso à Série B e o compromisso com a folha dos funcionários, quase colocam o Alviceleste de pernas para o ar, mas eis que agora ele começa a respirar com tranquilidade.

Primeiro foi a venda de Yago Pikachu, que garantiu cerca de R$ 700 mil ao Papão. Foram negociados 70% dos direitos federativos, o clube permanece com 30% e ainda pode faturar caso ele seja renegociado posteriormente. A outra novidade é que o clube também deve faturar uma quantia em cima da venda do meia Paulo Henrique Ganso, que foi negociado recentemente com o São Paulo por um valor estipulado em R$ 24 milhões.

De acordo com o presidente Luiz Omar Pinheiro, o craque paraense, que teve passagem pela base bicolor, deve render uma quantia referente a 1,3% do passe do Ganso, que renderia, de acordo com seus cálculos, algo em torno de R$ 326 mil, já acertado com o clube. “Conversei com o presidente do Santos para tratar sobre essa questão, já que no processo consta que o Paysandu tem direito. Aceitamos um prazo pedido por eles, por entender que esse dinheiro vai nos ajudar muito a quitar nossos compromissos”, revelou Luiz Omar.

(Diário do Pará)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.