Leandrinho está de saída do Paysandu

21/12/2012

 

Depois de ir a público afirmar que estaria apalavrado em permanecer no Paysandu após uma conversa com o presidente eleito, Vandick Lima, o meia Leandrinho voltou atrás e anunciou sua despedida oficial do Papão. O atleta acertou com o Luverdense.

“Conversei com o Vandick há aproximadamente 15 dias, mas só na palavra. Não tem nada assinado, eu só quero resolver os salários atrasados, premiação, férias  e 13º. Quero fechar tudo isso para sair feliz, confiando no trabalho da diretoria. Peço desculpas à torcida, mas o Leandrinho está deixando a Curuzu”, revela.

Segundo ele, o motivo da transferência está diretamente relacionado à situação financeira do clube. “Tenho que pensar na oportunidade que está pintando. E o Luverdense botou uma proposta boa, já aqui não me valorizam muito. Só que não fico chateado e não guardo mágoa, mas futebol é assim”, acrescenta o meia que ficou um ano no Paysandu e marcou três gols.

O alerta em cima da baixa valorização, segundo ele, tem fundamento na medida que muitos jogadores importados vieram para Belém e nada fizeram, enquanto a chamada prata da casa continuou acreditando na diretoria e o acesso vem como maior testemunha. “Muitos de nós deram o máximo, como o Pikachu, Lineker, Vanderson, Pablo, todos que tiveram oportunidade honraram, aí vem jogador de fora, ganhando alto, e nada produzem”, desabafa.

Os dois meses de salários atrasados não escondem o desânimo do jogador, contudo, ele descartou acionar a justiça mesmo com o pouco caso de alguns dirigentes. “A gente entende a dificuldade, mas fica na expectativa. Eu tive um contato também com o Luiz Omar, que prometeu pagar. Ligo para ele, mas não atende, estou esperando o Vandick assumir para resolver tudo. Porém, saio daqui muito feliz e sem mágoas”, encerra.

(Diário do Pará)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.