Acordo sobre base bicolor perto de sair

12/02/2013

 

Depois de alguns ensaios e conversas nos bastidores, parece que o projeto voltado exclusivamente para a revitalização das categorias de base do Paysandu irá sair do papel, faltando apenas a aprovação por parte do conselho deliberativo do clube. Caso saia, as jovens promessas do Paysandu poderão vislumbrar novos horizontes numa categoria antes largada à própria sorte.

“O projeto envolve R$ 90 mil mensalmente, sendo R$ 45 mil do Paysandu e R$ 45 mil vindos do Hélio Duarte; e ficaria 50% para as partes de cada jogador que fosse revelado”, explica o presidente Vandick Lima. De acordo com o novo diretor das categorias de base, Ubirajara Lima, a intenção da parceria não é apenas visar o lucro com a venda dessas promessas, mas sim assegurar que o Paysandu não pereça de sua maior fonte de talentos.

“Queremos que isso seja referência no Norte. Fechamos uma parceria com o empresário Helio Duarte, que tem experiência nessa área, e acreditamos que num futuro muito breve nós vamos mostrar para os nossos dirigentes que a solução está nesses garotos”, diz Ubirajara. “O jogador será tratado como um todo para que possa desenvolver o talento dele”, conclui.

O empresário e o clube passam a investir uma quantia mensal de R$ 90 mil reais, divididos em partes iguais. Em contrapartida, Hélio terá direito a 50% dos direitos econômicos do atleta, quando ele for negociado.

(Diário do Pará)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.