‘Acordo de cavalheiros’ sela amizade de Lyoto e Muñoz antes de confronto

25/10/2013

 

Brasileiro revela que precisou cancelar treino do dia seguinte junto com americano, após ser informado que iria substituir britânico Michael Bisping

 

Por Alexandre Fernandes e Ivan Raupp Rio de Janeiro

28 comentários

Acostumados a estudar bastante seus adversários antes de entrar no octógono, Lyoto Machida e Mark Muñoz levarão essa rotina a outro nível antes de se enfrentarem na luta principal da noite do UFC Fight Night Combate: Machida x Muñoz, em Manchester (ING), no próximo sábado. Isto porque, além de terem realizados alguns treinamentos juntos na academia Black House, em Los Angeles (EUA), os lutadores iriam treinar juntos no dia seguinte ao anúncio do Ultimate de que o brasileiro iria substituir o britânico Michael Bisping contra o americano. A revelação foi confirmada por Lyoto ao Combate.com em entrevista por telefone.

Ao lembrar da situação, Lyoto Machida afirmou que o clima ficou “estranho” quando souberam da decisão do UFC em realizar o confronto. Entretanto, pelo profissionalismo e respeito à organização pela qual são contratados, os amigos selaram um “acordo de cavalheiros” e o treinamento foi devidamente cancelado.

Lyoto Machida, Mark Muñoz, Ryron Gracie e Rener Gracie (Foto: Reprodução / Instagran)Amigos, Lyoto Machida e Mark Muñoz tiveram que cancelar treino que fariam juntos, após UFC anunciar luta entre eles em Manchester (Foto: Reprodução / Instagram)

– Realmente, a gente iria fazer o treino e tivemos que cancelar. Foi um pouco chato na hora, ficou um clima estranho, mas entendemos a situação. É uma situação difícil, mas principalmente, somos profissionais e empregados do UFC. Não somos amigos de frequentar a casa um do outro, mas eu o respeito muito e ele a mim. Já treinamos juntos anteriormente e vou lá disposto a fazer o meu melhor – disse o brasileiro.

Determinado a ajudar o UFC a encontrar o substituto ideal para Michael Bisping, atleta “da casa”, Lyoto Machida lembrou que chegou a ficar apreensivo para saber se o anúncio do combate iria ter algum efeito negativo na relação próxima entre os lutadores. Entretanto, mais uma vez o profissionalismo falou mais alto e tudo foi resolvido na base da conversa.

– Não pensei em recusar a luta, mas cheguei a ficar apreensivo no momento em que soube. Mas conversamos para saber como poderíamos fazer, até que chegamos a um acordo de cavalheiros, pode-se assim dizer. Apesar de já estar com a luta do Tim Kennedy agendada e programada, eu queria ajudar a fazer o evento, ajudar a empresa. Claro que não tem nenhum motivo pessoal contra o Muñoz, muito pelo contrário, já que treinamos juntos algumas vezes e temos parceiros de treino em comum – falou Lyoto Machida.

Mais Combate.com: confira as últimas notícias do mundo do MMA

Treino aberto do UFC em Manchester UFC Fight Night 30 : Lyoto Machida (Foto: Reprodução / Facebook)Lyoto Machida no treino aberto do UFC em Manchester (Foto: Reprodução / Facebook) 

Ex-campeão da categoria dos pesos-meio-pesados (até 93kg), Lyoto Machida fará sua estreia como peso-médio (até 84kg) diante de Mark Muñoz no UFC em Manchester. Sobre a sempre luta contra a balança, o brasileiro revelou que espera sofrer um pouco mais amanhã, dia da pesagem oficial para o evento, mas que não sentiu nenhum desconforto nos treinamentos para lutar na divisão de baixo.

– Estou me sentindo bem e baixando o peso com qualidade. Não tive nenhum problema a mais com cansaço ou falta de força e estou me sentindo normal com relação a perda de peso. Nós fizemos um planejamento muito bom para chegar aqui, mas não sei amanhã. Com certeza, vai ser um pouco mais complicado, já que é o último dia para perder peso. Devo ter um pouco mais de desconforto, mas me senti normal e forte durante toda a preparação e com muita disposição nos treinamentos – revelou o lutador.

Lyoto Machida x Mark Munoz UFC (Foto: Reprodução / Instagram)Lyoto Machida em encarada amistosa com Mark Muñoz (Foto: Reprodução / Instagram)

Ciente das dificuldades de uma categoria que possui nomes como Chael Sonnen, Ronaldo Jacaré, Vitor Belfort, Anderson Silva e o campeão Chris Weidman, o paraense Lyoto Machida diz não pensar ainda em luta por título. Possibilidade, aliás, que o brasileiro já não via mais como meio-pesado, após perder para o americano Phil Davis no UFC 163, no início de agosto.

– É difícil falar em cinturão agora, porque eu acabei de chegar na categoria, que tem caras muito duros. Mas, nos meio-pesados estava complicado, trancado, depois de me colocarem para lutar com o Phil Davis. Então, abriu essa oportunidade de descer de divisão e espero fazer boas lutas. Mas é cedo ainda para falar em disputa de cinturão –  afirmou Lyoto Machida.

O canal Combate transmite o UFC Fight Night Combate: Machida x Muñoz ao vivo com exclusividade neste sábado, a partir de 14h (horário de Brasília). O Combate.com acompanha em Tempo Real. Confira o card atualizado:

UFC Fight Night Combate: Machida x Muñoz
26 de outubro, em Manchester (ING)
CARD PRINCIPAL
Lyoto Machida x Mark Muñoz
Ross Pearson x Melvin Guillard
Jimi Manuwa x Ryan Jimmo
Norman Parke x Jon Tuck
Alessio Sakara x Nicholas Musoke
Phil Harris x John Lineker
CARD PRELIMINAR
Al Iaquinta x Piotr Hallman
Luke Barnatt x Andrew Craig
Rosi Sexton x Jessica Andrade
Andy Ogle x Cole Miller
Jimy Hettes x Robert Whiteford
Brad Scott x Michael Kuiper

Fonte: http://sportv.globo.com/site/combate/noticia/2013/10/acordo-de-cavalheiros-sela-amizade-de-lyoto-e-munoz-antes-de-confronto.html

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.