Re x Pa não traz medo para ex-Maestro e Zé

25/01/2014

 

O ex-maestro bicolor e agora Camisa 33 do Clube do Remo, Eduardo Ramos, não se intimida para o clássico que irá acontecer no próximo domingo (26), no Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, pelo Campeonato Paraense 2014. O jogador já tem alguns clássicos na carreira, mas o de domingo tem o gostinho especial, por toda a expectativa que cerca o nome do jogador no Leão.

“Re x Pa eu joguei uns seis, que eu me lembre. O Pará é o lugar que mais tem clássico no Brasil. Acho que perdemos um ou dois e o resto vencemos ou empatamos. Espero que no Remo eu possa ser vitorioso nos clássicos que vamos disputar esse ano. Eu procuro tratar todos os jogos da mesma forma, até porque a euforia maior é nas arquibancadas”, disse Eduardo.

O Camisa 33 não se mostrou preocupado com a cobrança dos torcedores, e nem com o fato do Remo ser o “favorito” deste turno. “Independente se fosse ou não Re x Pa, se estivesse ou não invicto, a cobrança seria bem maior. Para nós, não depende de adversário, sempre vai haver muita cobrança. Por esse motivo o time está se preparando bastante”, finalizou.

Outro jogador que está sendo bastante cobrado pela torcida é o atacante Zé Soares, o jogador tem atuado nas últimas partidas mas ainda não conseguiu marcar. Quanto ao clássico, Zé Soares já jogou dois, sem vencer nenhum, não vê dificuldade nesse jogo. “É preciso entrar com a mesma vontade dos outros jogos que fizemos. Mantendo essa pegada, poderemos sair com o resultado positivo”, disse. E a posição em que pode jogar, também não é problema para o atleta. “Eu entro da maneira que a equipe necessita. Vão ter partidas em que entrarei na esquerda, outras pela direita, no centro. Não tem diferença, o importante é entrar e fazer o que o professor pediu”, finalizou.

Antonio Cícero/Diário do Pará

Foto: Antonio Cícero/Diário do Pará

(Bruna Dias/DOL e Luiz Guilherme Ramos/Diário do Pará)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.