Papão engole Leão, goleia e vira líder

03/02/2014

 

Parece que o Leão virou mesmo freguês do Paysandu. Na tarde desde domingo (2), o Papão foi autor da maior goleada do primeiro turno do Campeonato Paraense 2014. Foram seis gols do time Bicolor na partida contra o São Francisco, no Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão. O Leão Santareno não conseguiu marcar nenhum.

O primeiro tempo foi pouco mais complicado para o Papão, mas, mesmo com as dificuldades criadas pelo São Francisco, o time era muito superior. A esperança do Leão estava nas mãos do goleiro Labilá, que salvou por diversas vezes a equipe. O meia Lineker perdeu pelo menos cinco chances de marcar para o Paysandu. O jogador recebia bolas com perfeição do atacante Lima, mas na hora de finalizar não conseguia. Por falar em Lima, o jogador perdeu um pênalti aos 17 minutos desta etapa.

Com tantas criações e nenhuma finalização, aos 42 minutos do primeiro tempo, Felipe calçou o Pikachu dentro da área do São Francisco e o árbitro marcou penalidade máxima. Lima se redimiu nessa cobrança e marcou o primeiro da partida.

O segundo tempo do jogo foi uma chuva de gols, nada menos que cinco bolas no fundo do barbante do São Francisco e sem trabalho defensivo para os jogadores do time alviceleste. Foi um do Lima, dois de Pikachu, um de Leandro Carvalho e um de Bruninho. Mesmo com todas essas marcações, Labilá ainda salvou o São Francisco, que ficou com menos dois na partida: Ricardinho e Perema foram expulsos

Em seu primeiro gol, aos 17 minutos do segundo tempo, Pikachu arrumou a bola com perfeição marcando o terceiro gol da partida. Na comemoração, o jogador tirou o uniforme e mostrou uma camisa que vestia por baixo. “Parabéns Paysandu pelos 100 anos de vitórias e de conquistas…” era a frase que estava escrita na camisa. “Eu tinha muita certeza que ia fazer o gol, tava muito confiante. Por isso fiz essa homenagem”, contou o xodó da torcida Bicolor.

O Papão terminou a rodada líder da tabela, com treze pontos. O time vai até Paragominas, na próxima quinta-feira (6), para enfrentar o time da casa no primeiro jogo da semi-final do Parazão. O São Francisco acabou esta fase em sexto lugar, com apenas oito pontos.

MAIS FESTA

A comemoração pelo centenário bicolor continuou depois da goleada. Um helicóptero pousou no meio do campo do Mangueirão trazendo três ídolos da torcida: Zé Augusto, Quarentinha e Beto foram aplaudidos e correram no gramado com a bandeira do Papão.

Um bolo gigante foi o personagem principal na hora de cantar o parabéns para o clube. Um filme do centenário foi exibido no Mangueirão em dois telões de leds de alta definição.

(Bruna Dias)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.