Mazola Junior não gostou das condições de estádio

14/04/2014

 

Definidas as semifinais do returno do Campeonato Paraense, o Paysandu vai retornar à Santarém onde vai enfrentar o São Francisco, mas a diretoria do clube deverá enviar uma notificação para a Federação Paraense de Futebol (FPF), um documento sobre as condições em que a equipe bicolor ficou na partida do último domingo (13), no empate em 1 a 1 contra o Leão Santareno, no estádio Barbalhão. As duas equipes devem se encontrar no dia 24 deste mês e o técnico do Papão, Mazola Junior ficou na bronca com as condições de jogo para o time bicolor.

“Fomos hostilizados de forma verbal e até atiraram pedra na equipe dentro do vestiário, onde não se tinha sequer uma porta. Alertei a segurança do estádio e alguma providência deverá ser feita, para que possa evitar maiores problemas com a integridade física dos atletas”, afirmou Mazola Junior.

O treinador ainda destacou a má colocação do banco de reservas da equipe visitante, que no estádio Barbalhão, é bem diferente do time da casa. “O banco de reservas está mal posicionado, o time deles na lateral e a gente atrás da linha de fundo, jogado que nem um cachorro” destacou o técnico.

Antes de enfrentar o São Francisco pela semifinal do returno, o Papão terá o Brasília-DF, pela final da Copa Verde na próxima segunda-feira (21), mas antes do Colorado, os bicolores enfrentam o MAC-MA, pela Copa do Brasil, na quarta-feira (16), às 20:30h, em Belém.

(Diego Beckman/DOL)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.