Ídolo bicolor, Iarley anuncia aposentadoria

22/08/2014

 

Um dos maiores ídolos da história do Paysandu anunciou sua aposentadoria dos gramados. Trata-se de Iarley, que está parando de jogar futebol profissional após a última passagem na Ferroviária-CE.

Segundo o atacante, agora é vida nova. Ele pretende lançar um livro contando os bastidores do título mundial de 2006 pelo Internacional e também sobre a relação com o falecido ídolo Fernandão. No Real Madrid, relembrou no estrangeiro o país do futebol, deixando encantado o treinador Fábio Capello, que o promoveu ao time principal.

(Foto: Divulgação/ Site do S.C. Internacional)

Dificilmente um jogador consegue a proeza de, em tão pouco tempo, deixar sua marca para sempre na lembrança de milhares de apaixonados por um clube de futebol como Iarley conseguiu marcar a vida do Paysandu. Em pouco mais de seis meses vestindo a camisa alviceleste, foram 27 jogos e cinco gols, período em que o Papão viveu suas maiores glórias até hoje. Um desses gols foi antológico: o que deu a vitória do Paysandu em cima do Boca Juniors, no dia 15 de maio de 2003, em La Bomboñera, Argentina.

Aos 29 anos na época, Iarley veio do Ceará e, em Belém, graças ao sucesso do time na Copa dos Campeões e Libertadores, alçou feitos inimagináveis. No mesmo ano, após ter calado “La Bomboñera”, foi contratado para defender o Boca, sagrando-se campeão mundial interclubes. De lá, no ano seguinte, seguiu para o Dorados, do México, e depois para o Internacional de Porto Alegre, onde ganhou pela segunda vez o título máximo de clubes.

(Ronald Sales/DOL)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.