Suposto documento sobre renda circula na internet

04/03/2015

 

A polêmica sobre a divisão de renda do Campeonato Paraense promete ganhar mais um capítulo tenso. Um suposto documento assinado pelo presidente da Federação Paraense de Futebol (FPF), Antônio Carlos Nunes de Lima, circula pelas redes sociais, mostrando que os clássicos iriam garantir a divisão de renda nos jogos das fases finais e partidas com clubes da mesma cidade.

 

De acordo com a Federação Paraense de Futebol (FPF), de fato, um documento foi entregue ao clubes e assinado pelo presidente da FPF.

 

Porém, os dirigentes do Clube do Remo não admitem a divisão da renda, em resposta às declarações do presidente do Paysandu, Alberto Maia, sobre a inversão de campo, que não ocorreu no jogo contra o Independente, na qual o dirigente queria que o regulamento fosse cumprido.

 

“O documento existe sim e foi entregue aos clubes que disputaram a semifinal do primeiro turno e isso vale também para o Re x Pa, como também o jogo entre São Francisco x Tapajós”, disse o vice-presidente da FPF, Maurício Bororó.

 

Mesmo sendo entregue aos clubes, o suposto documento não deverá garantir a renda do clássico para o dia 29 de março, pois os dirigentes do Remo ainda devem se reunir para se pronunciar sobre o caso.

 

(Diego Beckman/DOL)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.