Bom Senso F.C. critica apoio dos paulistas a Nunes

10/12/2015

 

Na última segunda-feira, representantes dos clubes paulistas se reuniram na sede da Federação Paulista de Futebol e decidiram apoiar o presidente da Federação de Futebol do Pará, Coronel Nunes, na eleição para escolher o vice-presidente da CBF, no dia 16 de dezembro.

 

A demonstração de apoio a Nunes, aliado de Marco Polo Del Nero, não foi bem recebida pelo Bom Senso Futebol Clube.

 

“É lastimável o que aconteceu na Federação Paulista e a maneira como eles resolveram votar em bloco apoiando o Coronel Nunes. Se o Del Nero sair, o vice mais velho assume, mas como o Marin está preso, o mais velho é o Delfim Peixoto, que é desafeto do Del Nero. Aí eles escolheram outro mais velho, que é aliado do Del Nero e que é o Coronel Nunes”, disse Ricardo Borges, diretor-executivo do Bom Senso FC à Rádio Bandeirantes.

 

Borges também criticou o fato de a idade avançada ser critério para a escolha de sucessores.

 

“O nível de cara de pau desses sujeitos é impressionante. O único mérito dele (Coronel Nunes) é o mérito etário. Isso também acontece com esses conselheiros vitalícios dos clubes. Nada contra a idade avançada, mas a idade, para cima ou para baixo, não deveria ser critério qualitativo”, completou.

 

Para o dirigente, a máfia que se instalou no futebol nacional não deveria ser alvo de investigação da Justiça norte-americana.

 

“É um motivo de vergonha para a nossa democracia, que toda a quadrilha que foi montada na CBF, que aconteceu aqui no nosso quintal, esteja sendo investigada só pelo FBI”, criticou.

 

Ricardo também diz não consegue, de jeito nenhum, uma cópia do novo estatuto da CBF e prometeu uma recompensa para quem o entregar.

 

“Estou há dois dias ligando para o Walter Feldman (secretário-geral da CBF) para pedir o estatuto da CBF e até agora não consegui este último estatuto. Falei com presidente de clube, de federação e ninguém tem. Quem tiver e me mandar merece um prêmio. Dou uma camisa do Bom Senso”, concluiu.

 

(Band)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.