Paysandu vai ter desfalques para o Re-Pa

29/02/2016

A comemoração pela vitória na duríssima semifinal contra o Águia dividiu as atenções com o prognóstico para o próximo duelo. O primeiro encontro contra o grande rival Clube do Remo na temporada será justamente na decisão da Taça Cidade de Belém, em duelo único. E o jogo contra o Águia deixou, de antemão, quatro desfalques e uma dúvida. Expulsos, Celsinho e Ilaílson cumprem suspensão, assim como Gilvan e Crystian, que levaram o terceiro cartão amarelo. Além deles, Ricardo Capanema, que abandonou o jogo por lesão ainda o primeiro tempo, pode ir a campo.

 

Outra situação que pode gerar discórdia é a arbitragem. Após decidirem, em comum acordo, pela adoção de um trio de fora do Estado, Paysandu e Águia se sentiram prejudicados pela atuação do goiano André Luiz de Freitas Castro. “Para domingo, o Paysandu quer um árbitro local. Para se trazer um árbitro CBF e ele fazer esse papelão que fez aqui, o Paysandu já se manifestou que prefere um árbitro local, porque eu tenho certeza que ele vai dar o melhor de si”, avisou o presidente Alberto Maia.

 

Entre dúvidas e incertezas, alguns atletas já começam a vislumbrar o jogo. “Assim que acabou o jogo o Roger (Aguilera, diretor de futebol) e o professor me explicaram que com a suspensão do Gilvan abriu a vaga para jogar domingo. Vou treinar muito essa semana para pegar essa vaga e jogar no Re-Pa”, projetou o zagueiro Pablo.

 

(Taion Almeida/Diário do Pará)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.