Após derrota, Fiel mostra descontentamento e vaia time bicolor

11/09/2017

Os jogadores do Paysandu deixaram o gramado do Mangueirão economizando palavras. Alguns deles sequer quiseram falar com a imprensa. Nas arquibancadas, os torcedores não poupavam o time, com muitas vaias. Os mais exaltados socavam as cadeiras e assentos do estádio. Entre os poucos que concordaram em dar entrevistas estava o zagueiro Perema, que admitiu que o time não merecia outro resultado que não a derrota.

“Acho que fizemos um primeiro tempo muito ruim”, constatou. “No segundo tempo tivemos a oportunidade de empatar, mas não fomos felizes nas finalizações”, disse o defensor. Perema ressaltou ainda que o Papão precisa se recuperar o mais rápido possível. “É uma situação realmente muito complicada, mas temos a esperança do time conseguir dar a volta por cima”, arrematou.
O volante Augusto Recife, que acompanhou a partida do banco de reservas também foi ácido nas críticas ao comportamento do time. “Pelo que eu vi, foi um primeiro tempo muito abaixo do esperado, ruim mesmo”, disparou. “Na segunda etapa houve um pouco mais de futebol, mas o que fizemos ainda foi muito pouco. Não podemos deixar para reagir nas últimas rodadas. A reação tem de acontecer agora”, pediu.

(Nildo Lima/Diário do Pará)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.