Lateral-direito Diego Superti define sua vinda ao Remo como a chance da sua carreira

11/12/2017

Os jogadores Diego Superti e Leandro Brasília, últimos reforços incluídos no plantel do Clube do Remo para 2018, deram suas primeiras palavras como jogadores do time, na tarde de ontem, no estádio Evandro Almeida, o Baenão. Na ocasião, os atletas destacaram o compromisso e a ambição da agremiação como motivações para participarem do desafio que irá mover o grupo na próxima temporada. Aliás, o projeto criado pelo colegiado de diretores, sobretudo no que se refere ao futebol, vem sendo levantado sempre que possível por todos os jogadores azulinos.

Diego Superti, 22 anos, cria da base do Fluminense-RJ, além de possuir passagem pelo Flamengo-RJ e no futebol gaúcho, acredita que no Remo poderá ter a chance que estava procurando. Embora considerado promissor por todos os clubes em que passou, o ala acabou não tendo brecha para demonstrar seu potencial nos elencos principais das equipes cariocas. Por isso, essa vinda para Belém, é encarada pelo atleta como vital. “Eu acredito que é a oportunidade como profissional que ainda não tive. Vou agarrar essa oportunidade como a oportunidade da minha carreira. Vou fazer o meu máximo para que tudo dê certo”, disse. Dessa forma, Superti se mostra confiante quanto à concorrência pela vaga de titular. “A titularidade o Ney da Matta vai definir, e eu estou pronto para dar o meu melhor”, concluiu.
Com a contratação anunciada ainda no final de novembro, o volante Leandro Brasília esclareceu na coletiva à imprensa os fatores determinantes para sua vinda ao Leão. De acordo com o próprio, apesar dos trâmites terem sido um pouco extensos, a humildade e a coragem para o ano que vem foram semelhantes aos seus desejos pessoais. “Eu tive uma conversa muito franca com o Zé Renato. A gente sabe que a negociação foi longa, demorada e até estressante. Mas eu acreditei na palavra do Zé, na palavra do Ney e o projeto aqui vai ser bom. A visibilidade da nação azulina do Remo, me motivou estar aqui hoje, para que mais uma vez eu possa realizar os meus desejos pessoais aqui no clube”, explicou o volante.

Executivo e treinador: as escolhas foram acertadas

O Clube do Remo realizou uma série de avaliações antes de anunciar os jogadores que fazem parte do plantel da equipe para a próxima temporada. O crivo foi tão intenso que houve até reclamações por parte dos torcedores, pela demora na oficialização dos atletas. Contudo, os responsáveis pelo carro-chefe azulino garantem que esse grupo foi montado com o propósito de atender às necessidades da agremiação, seja no quesito financeiro ou na competitividade dentro de campo. “São atletas competentes e que se enquadram naquilo que a gente pensa de gestão, de responsabilidade. Contamos com a ajuda de vários profissionais para se chegar a esse grupo, que atende ao financeiro e ao perfil de profissionais vencedores que queremos”, disse o executivo de futebol, Zé Renato. Para o treinador Ney da Matta, a expectativa é ainda mais positiva. “Ninguém veio ou virá para cá para pegar experiência. Nós fomos atrás de gente competente e garanto que acertamos nas escolhas e, se Deus quiser, nós vamos colher as conquistas lá na frente”, destacou o comandante do Leão Azul.

(Matheus Miranda/Diário do Pará)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.