Papão encara a Ponte Preta com mais motivação e foco em subir na tabela

03/08/2018

O jogo da reabilitação. É desta maneira que os jogadores do Papão estão encarando o compromisso da próxima terça-feira, 7, na Curuzu, contra a Ponte Preta-SP, pela 20 rodada da Série B do Brasileiro. Será o início do “returno” da competição e o objetivo do time é dar sequência aos bons resultados colhidos nas últimas duas partidas que fez como mandante, iniciando a nova fase da competição de maneira positiva. As equipes estão “coladas” na tabela de classificação, no momento, com a Macaca ocupando a 10ª colocação e o Papão, logo abaixo, na 11ª posição.

“Temos um tempo maior para o trabalho, descanso e para acertar o que deu de errado. O Guilherme (Alves, técnico) vai trabalhar bem para que a gente saia com a vitória no jogo de casa”, afirmou o goleiro Renan Rocha. “A gente vem de uma porrada de jogos e, agora é trabalhar bastante para conseguirmos uma vitória contra a Ponte”, ratificou o volante Renato Augusto. O discurso entre os jogadores é praticamente o mesmo, com o foco no time campineiro sendo visível.

“A equipe está de parabéns pela evolução que vem tendo. Não podemos ficar nos lamentando. A Série B não dá tempo pra gente ficar se lamentando. Na terça-feira já temos outro jogo muito difícil, então é manter o foco”, declarou o zagueiro Diego Ivo. “São três pontos e vencendo em casa temos tudo para subirmos na tabela”, salientou o defensor. Ivo festeja o tempo que o time tem pela frente para trabalhar. “É um tempo longo para que o Guilherme possa acertar aquilo que ele quer na equipe”, disse.

Contra a Ponte Preta, a ordem é errar menos

Uma Macaca de assustar. É assim que o técnico Guilherme Alves, grande conhecedor do futebol de São Paulo, vê o próximo adversário do Papão na tabela da Série B. “Na terça-feira é jogo grande. A Ponte Preta investiu muito, mas muito, para essa competição”, observou o treinador, que pediu que o torcedor bicolor não deixe de comparecer à Curuzu. “Que a gente tenha um grande jogo. Que a torcida nos dê, mais uma vez, um voto de confiança”, disse. Com a competição entrando, na próxima rodada, em sua segunda fase, com outros 19 jogos pela frente para cada equipe, o comandante bicolor afirmou que não há risco de o Papão cair para a Série C sob o comando dele. “Descenso nós não vamos correr o risco. No meu comando não vai cair. Isso eu garanto. Dou a minha palavra, porém, em um jogo como esse não podemos ter falhas”, garantiu.

Voltando a falar do futuro compromisso, Alves alertou: “Vamos buscar esses pontos contra a Ponte Preta, mas precisamos errar menos”, avisou. O treinador antecipou que pretende utilizar alguns dos novos atletas do clube, possivelmente logo de cara diante da Macaca. “Temos três ou quatro jogadores que estão treinando que poderão fortalecer essa equipe”, adiantou.

(Nildo Lima/Diário do Pará)

Deixe uma resposta

Você precisar fazer login para comentar.